Rhodes Magazine

Entrevista a NOT.THE.SAME

​Começaram a subir aos palcos, em setembro de 2017, com a participação no Concurso de Bandas inserido no Festival da Paiã, onde saíram vencedores. Desde então, que têm vindo a pisar vários palcos e onde conforto, carinho e aplausos são as palavras de ordem destes concertos. Depois o lançamento do single “Rise again” em fevereiro, estão agora a preparar o lançamento do  EP “For You”.
​A Rhodes Magazine esteve à conversa com os NOT.THE.SAME e contamos-te tudo agora!
RM  Como surgiu a vontade de criar uma banda? 

Esta banda surgiu porque 3 dos 5 elementos dos Not The Same, já tinham passado por diversos projectos musicais e em 2016, descobriram por acaso a VOZ que sempre quiseram ter numa Banda, e dai começou este novo projecto musical.

RM – Porquê o nome Not The Same? 
O nome surgiu com a composição do segundo tema, com o mesmo nome, e que definiu desde o início, o que a Banda idealizou para a sua sonoridade, ou seja, não haver a definição de um único estilo de música, e que queríamos estar livres, sem ficar presos a um único estilo, daí o nome.

RM  Qual a parte que mais gostam, compor os temas/ gravar ou atuar em palco? 
De forma unanime, o que mais gostamos é de estar em Palco, apesar de gostarmos de compor e gravar, mas o que nos faz sentir melhor é mesmo os Concertos e o contato com o Público.

RM – Se pudessem descrever o EP “For You” em 5 palavras quais seriam?
Principio, Renascer, Diferente, Mudança, Gratidão.

RM – Qual o vosso sonho enquanto banda? ​
Crescermos como músicos, compositores e pessoas, divertirmo-nos a fazer o que mais gostamos e adoramos fazer e dar o nosso melhor para obter o reconhecimento do público e chegarmos o mais longe possível e que os nossos fans proporcionarem.

RM – Que artista/banda mais vos inspira?
Não há um único artista ou banda que nos inspire, existem vários que nos influenciam, tais como, Amor Electro, Xutos e Pontapés, Queen, Evanescence e Metalica, entre outros.